10 Passos para Mudar de Carreira

jobinice-dicas-mudar-carreira

A mudança provém, muitas vezes, de uma vontade de crescer, quer a nível pessoal ou profissional. Vê como dar um novo rumo à tua carreira.

São vários os motivos que levam a que um indivíduo deseje mudar de carreira: a falta de motivação ou perda de interesse no trabalho. No entanto, também é possível que uma pessoa se sinta insatisfeita com a função ou com o salário.

A realidade é que existem muitas pessoas que, de um momento para o outro, mudaram as suas carreiras e, consequentemente, as suas vidas. A realização pessoal serve de incentivo para explorar novas oportunidades e, em algumas situações, correr riscos. Há pessoas que, ao mudar de carreira, abdicaram de empregos estáveis para iniciar um projeto sem garantias.

A possibilidade de atingir os nossos sonhos e metas traz grande satisfação, no entanto é importante manteres o foco e a disciplina. Se estás à procura de um novo rumo, segue então as nossas dicas. Hoje, partilhamos 10 passos para mudar de carreira.

1. Pensa antes de agir

Mudar de carreira é uma decisão que não deve ser tomada de ânimo leve. Os problemas ou conflitos podem levar-nos a tomar atitudes precipitadas. Por isso, é aconselhável pensar bem antes de seguir em frente com um objetivo que pode vir a ser passageiro.

2. Traça um rumo

Depois de decidires que mudar de carreira é a melhor solução, o passo seguinte é entender o porquê desta mudança e qual é o rumo que é necessário tomar. Pensa nas coisas que realmente te fazem feliz. Imagina-te a trabalhar: quais são as funções que te dão mais satisfação ou, por outro lado, insatisfação? Gostas de trabalhar em equipa ou sozinho? Procuras um trabalho criativo ou mais racional?

3. Explora o mercado de trabalho

Reflete sobre as profissões do teu interesse, porque este exercício é essencial para tomares uma decisão. Se, desde sempre, soubeste qual era o teu emprego ideal, então, neste caso, descobre quais são as competências solicitadas para esse trabalho e que ofertas existem no mercado.

4. Valoriza as tuas competências

Se decidires mudar de carreira e optar por uma área totalmente diferente da que trabalhas atualmente e tens pouca experiência, não desanimes. Valoriza as competências que adquiriste até hoje. Competências como liderança, comunicação, resiliência, entre outras, são muito valorizadas por inúmeras profissões.

5. Aposta na formação

São várias as vezes que aconselhamos apostar na formação. É através do conhecimento que crescemos a todos os níveis, tornamo-nos mais preparados e aperfeiçoamos as nossas competências. E, se procuras crescer e mudar de carreira, então esta é uma opção que deves ter sempre em conta.

6. Networking

Os contactos que adquirimos ao longo da vida podem ser úteis para aqueles que procuram mudar de carreira. Entre todas as pessoas que conheces, podes descobrir alguém que trabalha na área que procuras ou podes, até, encontrar um tutor que te guie e oriente neste novo caminho. Mesmo que não tenhas uma grande rede de contactos, há sempre a possibilidade de encontrares alguém que te possa ajudar.

7. Ganha experiência

Todos temos que começar por algum lado. Antes de te dedicares a 100% à tua nova função, tenta ganhar experiência com um part-time ou trabalho voluntário. Desta forma, testas as tuas capacidades e começas a sentir um cheirinho daquilo que pode vir a ser o teu futuro.

8. Muda de função

Esta dica vai depender do tipo de empresa ou organização em que estejas inserido. Por vezes, a mudança de carreira pode acontecer dentro no mesmo local onde trabalhas. Imagina que, no teu emprego, abre uma vaga para uma função que sonhas realizar há muito. Isto pode ser a oportunidade que tanto procuras.

9. Procura novas oportunidades

Começa a procurar oportunidades na área em que queres trabalhar e percebe que competências e experiência são solicitadas para o cargo, podes utilizar sites de emprego para consultar ofertas e começares a refletir sobre o tipo de perfil que é exigido. Assim, vais entender mais facilmente que formação pode estar a faltar-te, saber no que deves melhorar e que empresas podes contactar.

10. Aprende a ser flexível

Apesar da mudança de carreira poder significar ganhar menos ou passar de um cargo sénior para estagiário, é importante que tenhas em mente e que te prepares para enfrentar novos desafios, como se estivesses no início da tua carreira. Lembra-te, a realização pessoal nem sempre está relacionada com dinheiro ou assumir um cargo de liderança.

Nunca é tarde para mudar e começar uma vida nova.

Artigo Sugerido

Laura Dávila

Responsável pela gestão de conteúdos de marcas e blogs. Sempre teve uma grande paixão pela escrita. Gosta de viajar, estar com os amigos e adora cozinhar.

Este artigo foi útil? Partilha com os teus amigos