Os novos colaboradores da empresa estão a ser bem aceites pela equipa?

Quando novas pessoas entram numa empresa, esperam que a equipa as receba de braços abertos. Mas quais são os fatores que contribuem para que os colaboradores se sintam bem aceites?

Numa altura em que o número de pessoas qualificadas abunda, conseguir colaboradores ideais para a empresa é o que mais importa. Contudo, o rendimento no trabalho começa nas relações que mantêm com os colegas de equipa.

Para além de os receber com um sorriso no rosto, devem-se seguir alguns procedimentos para ajudar os novos colaboradores a sentirem-se bem.

Como acolher novos colaboradores na empresa: sugestões úteis

  • Comunicar a chegada dos novos elementos – quando os colaboradores entram na empresa, devemos apresentá-los a toda a equipa. Receber e introduzir aos hábitos praticados na empresa é fundamental para que se sintam à vontade;
  • Preparar o local de trabalho – tudo o que os colaboradores necessitam já deve estar preparado no dia em que chegarem. É imprescindível que se sintam necessários e confortáveis;
  • Orientar os colaboradores – é muito importante designar alguém para acompanhar os novos elementos da equipa a iniciar as suas novas funções. Deve explicar-lhes os procedimentos, partilhar com eles todo o material necessário e estar disponível para esclarecer quaisquer dúvidas que possam surgir;
  • Proporcionar conforto e dar feedback – é necessário prestar atenção nos primeiros dias para garantir que os colaboradores se sentem confortáveis. Expressar agrado por os ter na equipa irá estimulá-los e motivá-los.

Assim, para além destas etapas, é conveniente prestar atenção à forma como os colaboradores se relacionam entre si, dentro e fora do trabalho. Um colaborador que sai sempre sozinho para almoçar ou demonstra tristeza em conversas do dia a dia, não representa um bom sinal. Situações como estas devem ser evitadas a todo o custo.

Caso exista mau ambiente, devem-se promover momentos de conexão e lazer entre os colaboradores, sempre que possível. Por exemplo, gestos simples como um convite para o almoço, podem fazer toda a diferença.

 

Artigos sugeridos

Júlia Rocha

Gestora e criadora de conteúdos para marcas, com paixão por grandes histórias. Nunca sai de casa sem papel e caneta, e adora longas viagens.

Este artigo foi útil? Partilha com os teus amigos