Pacotes salariais mais baixos do que há 10 anos

pacotes salariais

A CES alertou que os pacotes salariais dos trabalhadores portugueses são, em média, mais baixos do que há 10 anos. Esta tendência acompanhou outros cinco Estados-membros.

A Confederação Europeia de Sindicatos (CES) revelou que os salários em Portugal, e noutros cinco países da União Europeia, estão mais baixos do que estavam há 10 anos. Esta situação reflete que estes países ainda se encontram num momento de crise.

Barómetro Randstad: gerações novas são mais ágeis e menos fiéis

CES: análise de pacotes salariais

De acordo com os dados compilados por esta organização, entre 2010 e 2019 os pacotes salariais ajustados à inflação (incluindo contribuições para a Segurança Social e pagamentos de subsídios) desceram em média em seis Estados-membros. Incluindo, claro, Portugal.

Em três outros países da União Europeia, os salários permaneceram praticamente congelados. Em comparação com 2010 os pacotes salariais em 2019 eram 15% mais baixos na Grécia, 7% em Chipre, 5% na Croácia, 4% em Portugal e Espanha e 2% em Itália.

A preocupação do CES foi revelar que a situação dos trabalhadores destes países mainda não melhorou, mesmo que os líderes europeus estejam a viver com base numa retoma da economia. Ainda assim, a crise ainda não acabou para muitos milhões.

Artigos sugeridos

Júlia Rocha

Gestora e criadora de conteúdos para marcas, com paixão por grandes histórias. Nunca sai de casa sem papel e caneta, e adora longas viagens.

Este artigo foi útil? Partilha com os teus amigos