Startups contribuíram em 1% para o PIB de 2018

startups

Segundo a Startup Portugal, o ecossistema de startups portuguesas teve um contributo de 1,1% para o PIB nacional, em 2018.

A Startup Portugal apresentou esta sexta-feira o balanço dos seus três anos de atividade. As startups portuguesas, e os seus empreendedores, tiveram um contributo de 1,1% no produto interno bruto (PIB) nacional, em 2018.

Em termos monetários, são 2,2 mil milhões de euros, dos 201,5 mil milhões que representaram o PIB, no ano passado. Em 2016, ano desta entidade, o contributo tinha sido de 0,7%.

A Startup Portugal é uma associação privada, sem fins lucrativos, que faz parte da Estratégia Nacional para o Empreendedorismo.

Salário mínimo aplicado a um terço do emprego jovem

Reforços no universo das Startups

Desde 2016, que o contributo das startups para a economia portuguesa tem vindo a ser registado de forma mais rigorosa, sendo notória a criação de novos empregos. Também segundo dados revelados esta sexta-feira, a Startup Portugal revela que os empregos no setor subiram de mais de 15 mil, em 2016, para mais de 25 mil, em 2018.

Foi revelado também que as startups foram fundamentais para o aumento do volume de exportações, que subiu de 673 milhões de euros para 1,121 mil milhões.

Para registar este aniversário, foi anunciado o lançamento do Startup Hub, uma plataforma que reúne informações básicas sobre as empresas, fundos de investimento, iniciativas e incentivos públicos e privados.

Uma plataforma disponível para todo o ecossistema de empreendedores, tornando-se a base de dados mais atualizada da área.

Outras notícias

Júlia Rocha

Gestora e criadora de conteúdos para marcas, com paixão por grandes histórias. Nunca sai de casa sem papel e caneta, e adora longas viagens.

Este artigo foi útil? Partilha com os teus amigos